SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 issue3Serological diagnosis of toxoplasmosis: usefulness of IgA detection and IgG avidity determination in a patient with a persistent IgM antibody response to Toxoplasma gondiiChronic hepatitis C virus infections in Brazilian patients: association with genotypes, clinical parameters and response to long term alpha interferon therapy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Abstract

MALAQUE, Ceila M.S.; ORI, Maria; SANTOS, Sânia A.  and  ANDRADE, Dahir R.. Produção de TNF-a por queratinócitos humanos em cultura primária após agressão com veneno de Loxosceles gaucho . Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 1999, vol.41, n.3, pp. 179-182. ISSN 0036-4665.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651999000300009.

Culturas primárias de queratinócitos humanos foram incubadas com veneno de aranha Loxosceles gaucho, que possui atividade esfingomielinase D, responsável por lesão dermo-necrótica nos acidentes humanos. As células das culturas primárias foram agredidas com o veneno em doses crescentes de 10 ng/mL a 2 µg/mL. No sobrenadante das culturas agredidas com 100 ng/mL, 500 ng/mL, 1 e 2 µg/mL da toxina, foi pesquisada a presença de TNF-a através de bioensaio e ELISA. Com 100 ng/mL, foi detectado TNF-a no sobrenadante após 6 h, no bioensaio; usando o teste de ELISA, detectou-se a citocina no sobrenadante de células agredidas com doses de 1 µg/mL, após 6 e 12 h. Os resultados apontam para a capacidade deste veneno em ativar os queratinócitos em cultura, levando-os a produzir TNF-a. É provável que a produção de citocinas ative as células endoteliais, auxiliando na localização do processo inflamatório.

Keywords : Loxosceles; Keratinocytes; Cell culture; TNF-a.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English