SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue2Antigenic typing of brazilian rabies virus samples isolated from animals and humans, 1989-2000Leishmaniasis in the genital area author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

On-line version ISSN 1678-9946

Abstract

CAMANDAROBA, Edson Luiz P.; PINHEIRO LIMA, Clarissa M.  and  ANDRADE, Sonia G.. Transmissão oral da doença de Chagas: importância do biodema do Trypanosoma cruzi na infecção experimental intragástrica. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 2002, vol.44, n.2, pp.97-103. ISSN 1678-9946.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46652002000200008.

A ocorrência de microepidemias de infecção pelo Trypanosoma cruzi atribuidas à ingestão de alimentos contaminados com excreta de vetores ou de reservatórios vertebrados, em áreas rurais chamou a atenção para este tipo não vetorial de transmissão da doença de Chagas. Considerando que cepas de diferentes biodemas se distribuem diferentemente nos ciclos silvestre e domiciliar de transmissão, a ocorrência de microepidemias predominantes em áreas próximas aos ecótopos silvestres pode estar relacionada com a cepa do parasito, tendo-se em conta a predominância do Biodema Tipo III, Z1 nestas áreas. No presente estudo foi investigada a infectividade de cepas do T. cruzi de diferentes biodemas quando inoculadas por via digestiva. Foi feita inoculação por via intragástrica (VIG) em camundongos Suíços com a cepa Peruana (Biodema Tipo I, Z2b) ou com a Colombiana (Biodema Tipo III, Z1, T. cruzi I). Para controle da infecção, camundongos foram também inoculados por via intraperitoneal (VIP). A cepa Colombiana mostrou alta infectividade e patogenicidade tanto por VIP como por VIG. A cepa Peruana apresentou alta infectividade e patogenicidade pela VIP e mostrou baixa infectividade pela VIG. A mais elevada infectividade pela VIG, da cepa Colombiana, cujo biodema Tipo III, Z1 é o mais freqüentemente encontrado nos hospedeiros silvestres, está de acordo com a ocorrência dos episódios epidêmicos registrados na literatura.

Keywords : Trypanosoma cruzi; Oral transmission; Experimental intragastric infection; T.cruzi strains infectivity; Biodemes.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License