SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 issue5Human toxocariasis: incidence among residents in the outskirts of Campinas, State of São Paulo, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Abstract

SILVA, Ana Cristina Arámburu da; GRAEFF-TEIXEIRA, Carlos  and  ZAHA, Arnaldo. Diagnóstico da angiostrongilíase abdominal utilizando PCR em soro de pacientes. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 2003, vol.45, n.5, pp. 295-297. ISSN 0036-4665.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46652003000500011.

Angiostrongilíase abdominal é uma infecção zoonótica causada por um parasito nematódeo intravascular de roedores silvestres, Angiostrongylus costaricensis. Nenhum diagnóstico parasitológico é atualmente disponível e o imunodiagnóstico apresenta alguns obstáculos. Oligonucleotídeos foram construídos baseados em um gênero específico, Angiostrongylus cantonensis, e foi capaz de amplificar um fragmento de 232 bp de amostras de soro de 3 pacientes com diagnóstico histopatológico. O melhor método de extração foi com DNAzol e a especificidade dos oligonucleotídeos foi confirmada por Southern Blot. A doença tem sido diagnosticada com freqüência no sul do Brasil, assim, este método surge como uma importante e inédita alternativa no auxílio do diagnóstico desta doença.

Keywords : Angiostrongylus costaricensis; Eosinophilic gastroenteritis; PCR.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English