SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.49 número1Avaliação in vitro da atividade de seis drogas antimicrobianas contra Neisseria gonorrhoeae índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

versão On-line ISSN 1678-9946

Resumo

HADDAD JUNIOR, Vidal  e  MOURA, Regina. Manifestações neuromusculares agudas associadas à ingestão de polvo comum Octopus sp.. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 2007, vol.49, n.1, pp.59-61. ISSN 1678-9946.  https://doi.org/10.1590/S0036-46652007000100011.

Os autores relatam um quadro manifestado por sintomas neurológicos e musculares em uma mulher de 45 anos, que surgiu após o consumo da carne de polvo comum (Octopus sp.). A paciente apresentou intenso mal estar, parestesias em extremidades e área perioral, fraqueza muscular intensa e hipotensão arterial, seguidos de prurido importante e uma erupção eritêmato-descamativa disseminada tardia. Não foram observadas manifestações gastrintestinais ou febre, o que reduziu a probabilidade de uma intoxicação alimentar por conservação inadequada do molusco. A presença de sintomas neuro-musculares é sugestiva de ação de neurotoxinas, comprovadamente existentes em muitos gêneros de polvos e que podem ter sido ingeridas através do consumo das glândulas salivares ou acúmulo das toxinas na carne, por algum mecanismo ainda desconhecido. As toxinas dos polvos do gênero Octopus são pouco estudadas e julgamos esta comunicação importante por alertar para a possibilidade do envenenamento nos seres humanos que consomem carne de polvos e ainda sua diferenciação das intoxicações alimentares que ocorrem por conservação inadequada do animal.

Palavras-chave : Aquatic poisonous animals; Brazil; Octopus sp.; Octopuses; Poisoning [Venomous and poisonous marine animals].

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons