SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.51 issue1Classic and molecular study of Giardia duodenalis in children from a daycare center in the region of Presidente Prudente, São Paulo, BrazilEnteroparasitosis and their ethnographic relationship to food handlers in a tourist and economic center in Paraná, Southern Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

On-line version ISSN 1678-9946

Abstract

QUISPE, Nadia Carmela Santos; FERIA, Edwin Bengoa; SANTOS-FORTUNA, Elizabeth de los  and  CATERINO-DE-ARAUJO, Adele. Confirmação da presença de infecção por HTLV-1 e ausência de infecção por HTLV-2 em doadores de sangue de Arequipa, Peru. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 2009, vol.51, n.1, pp.25-29. ISSN 1678-9946.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46652009000100005.

Estudos epidemiológicos conduzidos no Peru apontam a infecção por HTLV-1 como prevalente em diferentes grupos étnicos e por HTLV-2 restrita a alguns índios da região Amazônica e a homens que fazem sexo com homens. Não existem dados sobre a infecção por HTLV-1/2 em doadores de sangue de Arequipa, região montanhosa do sul do Peru. Portanto, o presente estudo pesquisou anticorpos anti-HTLV-1 e HTLV-2 em 2.732 doadores de sangue desta região geográfica. Foram utilizados na triagem sorológica os testes imunoenzimáticos (ELISA) e para confirmação dos resultados o Western Blot (WB). Soros reagentes no ELISA tiveram suas bolsas de sangue descartadas. Os resultados obtidos foram analisados de acordo com características demográficas dos indivíduos. Trinta e cinco soros (1,2%) resultaram HTLV-1/2 reagentes no ELISA, 25 confirmaram infecção por HTLV-1 no WB. Um soro resultou HTLV positivo e os nove soros restantes resultaram em padrão indeterminado no WB: três com perfil HTLV-1 Gag indeterminado. A média de idade dos indivíduos HTLV positivos foi de 34,6 anos; 27 do gênero masculino e oito do gênero feminino. Todos eram da região sul do país: 27 de Arequipa, cinco de Puno e três de Cuzco. Foi detectada co-positividade HTLV com hepatite B (cinco soros) e sífilis (um soro). Nenhum soro resultou positivo para a co-infecção HIV/HTLV. Havia dois indivíduos com transfusão prévia e um com tatuagem. Este trabalho confirma pela primeira vez infecção por HTLV-1 e ausência de infecção por HTLV-2 em doadores de sangue de Arequipa, sul do Peru e sugere que a transmissão vertical seja a principal via de transmissão/aquisição de HTLV-1 nesta região geográfica.

Keywords : Human T cell lymphotropic virus 1 (HTLV-1); HTLV-2; Serology; Blood donors; Peru.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License