SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.54 issue1First isolation of dengue 4 in the state of São Paulo, Brazil, 2011Review of genitourinary tuberculosis with focus on end-stage renal disease author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo

Print version ISSN 0036-4665

Abstract

MONSALVE-CASTILLO, Francisca et al. Infecção pelo vírus da Hepatite C em pacientes em hemodiálise em Maracaibo, Venezuela. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo [online]. 2012, vol.54, n.1, pp. 53-55. ISSN 0036-4665.  http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46652012000100010.

Durante período de 2 anos, estudamos a incidência da infecção pelo vírus da hepatite C (VHC) em 29 pacientes em tratamento de diálise, com idades entre 15 e 75 anos (c ± DS; 45 ± 39,5 anos), procedentes da unidade de hemodiálise do Hospital Universitário de Maracaibo, Estado Zulia, Venezuela. Para a detecção dos anticorpos contra o VHC (anti-VHC) utilizamos a técnica de imunoensaio enzimático (ELISA, Innotest HCV Ab IV) e em amostras reativas por ELISA, utilizamos o método de immunoblot recombinante de terceira geração (Inno-LIA HCV Ab III), ambos da casa comercial Innogenetics N.V., Bélgica. Os resultados demonstram ausência de soroconversão ao VHC nos pacientes hemodializados durante o período estudado, o que foi confirmado pelo método de imunoblot recombinante. Os fatores de risco ao VHC foram 0,327 (95% CI: 0,01323 - 8,080) nos pacientes submetidos ao tratamento de diálise. Nossos resultados sugerem ausência de fontes de infecção neste centro de hemodiálise e que as medidas universais de controle de infecção são cumpridas.

Keywords : Hepatitis C; Incidence; Hemodialysis.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English