SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue1Surto de toxoplasmose aguda transmitida através da ingestão de carne crua de gado ovinoDetecção de Aedes aegypti e Aedes albopictus, na zona urbana do município de Catanduva-SP, após controle de epidemia de dengue author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682On-line version ISSN 1678-9849

Abstract

ANDRADE, Sonia G.  and  MAGALHAES, Juracy B.. Biodemes and zymodemes of Trypanosoma cruzi strains: correlations with clinical data and experimental pathology. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 1997, vol.30, n.1, pp.27-35. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86821997000100006.

Foram estudados os caracteres biológicos e isoenzimáticos de 138 cepas do Trypanosoma cruzi de diferentes áreas geográficas, sendo 120 do Brasil e 18 de outros paises da América do Sul e Central. Camundongos recém-nascidos foram inoculados com formas metacíclicas de triatomineos ou de culturas axenicas, seguindo-se passagem em camundongo de 10 a 12g. Os caracteres biológicos e o estudo histopatológico permitiram incluir todas a cepas em três Tipos ou biodemas: I, II e III . A análise isoenzimática para PGM, GPI, ASAT e ALAT confirmou a correspondência entre os biodemas e os zimodemas: Tipo I e Z2b, Tipo II e Z2, Tipo III e Z1. Os resultados mostraram a distribuição ubíqua dos diversos Tipos de cepas, observando-se a predominância do mesmo biodema em uma mesma áreas geográfica: cepas de Tipo II de casos humanos do Leste da Bahia e Leste de Goiás; cepas de Tipo III do Norte do Brazil e da América Central e de vetores ou vertebrados silvestres em várias áreas geográficas. Os biodemas correlacionam com diferentes lesões histopatológicas na fase aguda e crônica da infecção, considerando-se o envolvimento cardíaco e as lesões neuronais. Estes achados sugerem que o comportamento biológico, os padrões isoenzimáticos e o quadro patológico podem se constituir em importantes elementos para o estabelecimento de correlações entre as cepas do parasito e as manifestações clinico-patológicas da doença de Chagas em diferentes áreas geográficas.

Keywords : Cepas do Trypanosoma cruzi; Distribuição geográfica; Biodemas; Zimodemas; Patologia da doença de Chagas.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License