SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue4Prevalence of intestinal parasites in horticulturists and vegetables from Feira do Produtor de Maringá, Paraná, BrazilThe association of human toxocariasis and pyogenic abscesses author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

SILVEIRA, Thaís Gomes Verzignassi et al. Observações sobre o diagnóstico laboratorial e a epidemiologia da leishmaniose tegumentar no Estado do Paraná, sul do Brasil. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 1999, vol.32, n.4, pp. 413-423. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86821999000400013.

De 1986 a 1997 foram encaminhados ao Laboratório de Ensino e Pesquisa em Análises Clínicas, da Universidade Estadual de Maringá, 1418 pacientes suspeitos de leishmaniose tegumentar para diagnóstico laboratorial. Os testes utilizados foram a intradermorreação de Montenegro, reação de imunofluorescência indireta, pesquisa direta, isolamento e identificação de Leishmania. Destes pacientes, 955 (67,3%) apresentaram pelo menos um dos testes positivo, entre os quais 804 (84,2%) contraíram a infecção no Estado do Paraná, 665 (69,6%) tinham de 15 a 49 anos de idade, 658 (68,9%) eram do sexo masculino, 523 (54,8%) foram diagnosticados nos 3 primeiros meses de evolução da lesão e 74 (7,7%) apresentavam comprometimento nasobucofaríngeo. Dos 83 municípios do Estado do Paraná envolvidos, destacaram-se São Jorge do Ivaí (10,2%), Doutor Camargo (9,8%), Terra Boa (7,3%), Maringá (7,3%), Jussara (6,0%) e Cianorte (4,5%). Foram isoladas 77 cepas de Leishmania (Viannia) braziliensis, predominando (63,6%) o serodema 1.

Keywords : Leishmaniose tegumentar; Epidemiologia; Leishmania sp; Diagnóstico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese