SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue3Human parvovirus B19 infection in HIV-positive patients author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

VERA, Luis Angel et al. Avaliação da influência da infecção bacteriana secundária na evolução da leishmaniose cutânea em Corte de Pedra, Bahia. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2001, vol.34, n.3, pp. 233-237. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822001000300001.

Foram avaliados 84 pacientes leishmanióticos com o objetivo de verificar a prevalência de infecção bacteriana secundária das úlceras cutâneas e de estudar sua relação com a cicatrização das lesões. A infecção secundária foi diagnosticada mediante cultura bacteriana aeróbica de amostra de tecido da lesão. Todos os pacientes receberam tratamento antimonial durante 20 dias e fizeram lavagem da úlcera com água e sabão comum. A casuística foi composta principalmente de adolescentes e de adultos dedicados à lavoura, apresentando lesão única. Em 47,6%, as úlceras estudadas estavam localizadas nas pernas e nos pés. Verificou-se infecção secundária em 45/83 (54,2%), sendo mais freqüente nas lesões localizadas abaixo dos joelhos. O Staphylococcus aureus predominou (88,9%). A reepitelização completa das úlceras, avaliada em 79 pacientes um mês após o fim do tratamento, não foi influenciada pela infecção secundária.

Keywords : Leishmaniose tegumentar; Infecção; Bactérias; Staphilococcus aureus.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese