SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número4The value of in vitro cell culture of granulocytes in the detection of EhrlichiaEnteroparasites prevalence among daycare and elementary school children of municipal schools, Rolândia, PR, Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

versión impresa ISSN 0037-8682

Resumen

LUZ, Kleber Giovanni; SUCCI, Regina Célia de M.  y  TORRES, Elizabeth. Nível sérico da vitamina A em crianças portadoras de leishmaniose visceral. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2001, vol.34, n.4, pp. 381-384. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822001000400013.

A vitamina A tem sido considerada uma vitamina anti-infecciosa e sua deficiência está associada a um maior risco de infecções graves, como ocorre por exemplo no sarampo. Nos países em desenvolvimento a hipovitaminose A é um grave problema de saúde pública. O objetivo deste estudo é quantificar o nível sérico da vitamina A em pacientes pediátricos portadores da leismaniose visceral (LV). Amostras de sangue foram coletadas de 22 crianças portadoras de LV, estocadas em freezer e posteriormente, quantificado o nível de vitamina A usando-se a cromatrografia líquída de alta eficiência, nove irmãos assintomáticos dos pacientes foram usados como controles. A média do nível sérico da vitamina A nos portadores de LV foi de 21,38µg/100ml e no grupo controle foi de 31,39µg/100ml. Entre os pacientes estudados com LV a média do nível sérico de vitamina A encontrado foi significativamente menor, utilizando-se o teste t de Student para um p<0,01 que dos controles.

Palabras llave : Leishmaniose visceral; Vitamina A; Hipovitaminose A; Calazar.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués