SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue4Treatment with benznidazole in association with immunosuppressive drugs in mice chronically infected with Trypanosoma cruzi: investigation into the possible development of neoplasiasParacoccidioidomycosis: a clinical and epidemiological study of 422 cases observed in Mato Grosso do Sul author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

BENDER, Ana Lígia et al. Ovos e órgãos reprodutores de fêmeas de Angiostrongylus costaricensis são reconhecidos mais intensamente por soros humanos de fase aguda na angiostrongilíase abdominal. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2003, vol.36, n.4, pp. 449-454. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822003000400003.

O Angiostrongylus costaricensis é um nematódeo intra-arterial de roedores. O homem acidentalmente pode se infectar ao ingerir alimentos ou água contaminados. Nosso objetivo foi o de descrever as estruturas do parasita que são reconhecidas por soros humanos das fases aguda e convalescente da angiostrongilíase abdominal. O método de imunofluorescência indireta foi empregado para estudar a reatividade sobre ovos íntegros e cortes de vermes fêmeas e de larvas de primeiro estágio (L1). L1 também foram estudadas íntegras e depois de tratamento por sonicação. Fluorescência sempre mais intensa com soros de fase aguda foi detectada na superfície dos ovos inteiros e nos fragmentos de L1 e não estava presente nem nas L1 inteiras, nem em seus cortes. Uma reatividade inespecífica foi detectada na borda cuticular da cavidade geral e sobre os órgãos reprodutores. Os dados indicam que estes órgãos são fonte importante de antigenicidade.

Keywords : Angiostrongilíase; Imunofluorescência indireta; Angiostrongylus costaricensis; Imunodiagnóstico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese