SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 número2Estudos fenéticos de variabilidade de polimorfismos de DNA amplificados ao acaso pela reação em cadeia da polimerase em quatro populações geográficas de Lutzomyia whitmani (Diptera: Psychodidade) no BrasilDesenvolvimento e aplicação de PCRs quali-quantitativas para diagnóstico de citomegalovirose em transplantados de rim e medula óssea índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

versão impressa ISSN 0037-8682versão On-line ISSN 1678-9849

Resumo

GORODNER, Jorge et al. Impacto ambiental de modificações ecológicas realizadas em uma área subtropical. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2004, vol.37, n.2, pp.154-157. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822004000200008.

No período de 1994 a 2000, durante a construção e enchimento da represa Yacyretá, foram estudadas em Ituzaingó e Posadas variáveis infecciosas (diarréias e infecções respiratórias), clínico-cirúrgicas (doenças cardiovasculares e politraumatismos) e ambientais (pluviais, temperatura e umidade). As diarréias, em Ituzaingó, tiveram um aumento 6,5%, 78,3% e 13%, respectivamente em 1995, 1996 e 1997 e nos anos seguintes os valores foram similares aos de 1994 e em Posadas mostraram uma tendência ascendente. As infecções respiratórias, em Ituzaingó em 1995, aumentaram 143% e nos períodos subseqüentes voltaram aos limites de 1994 e, em Posadas tiveram valores ascendentes. No Hospital de Ituzaingó, em 1995, as doenças incrementaram 97,6%, mostraram decréscimo em 1996 e atingiram 127% em 2000; os politraumatismos aumentaram 107% em 1995, declinaram 38% em 1996 nos anos seguintes apresentaram tendência ascendente atingindo 33% em 2000. O impacto das variáveis ambientais foi maior em Ituzaingó do que em Posadas. O aumento das doenças relacionou-se com a temperatura máxima, mas não com a umidade.

Palavras-chave : Vigilância ambiental; Epidemiologia; Mudança ambiental; Infectologia.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons