SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 número6Doenças exantemáticas e primeira epidemia de dengue ocorrida em Manaus, Amazonas, no período de 1998-1999Busca retrospectiva da transmissão maternal da infecção chagásica em pacientes na fase crônica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

versão impressa ISSN 0037-8682versão On-line ISSN 1678-9849

Resumo

BORGES, Aercio Sebastião  e  FIGUEIREDO, José Fernando de Castro. Avaliação da síntese intratecal de anticorpos IgG anti-Toxoplasma gondii para o diagnóstico da neurotoxoplasmose em pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2004, vol.37, n.6, pp.480-484. ISSN 0037-8682.  https://doi.org/10.1590/S0037-86822004000600010.

O diagnóstico da neurotoxoplasmose em pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida baseia-se fundamentalmente nos achados tomográficos ou de ressonância magnética e na resposta ao tratamento específico. Estudamos 55 pacientes com SIDA e neurotoxoplasmose, de acordo com estes critérios diagnósticos (grupo 1); 37 pacientes com SIDA e comprometimento neurológico por outra etiologia (grupo 2) e 16 indivíduos anti-HIV negativo, com outras doenças neurológicas (grupo 3), pesquisando IgG, anti-T. gondii, no soro e no líquor, utilizando a reação de imunofluorescência indireta. Em 72 casos, determinamos os teores totais destes anticorpos aí presentes, com objetivo de avaliar a produção local, no sistema nervoso central, de anticorpos específicos e correlacionar os títulos com atividade da infecção, em pacientes com SIDA e neurotoxoplasmose. Evidência de produção local destes anticorpos foi detectada em 42,8% dos pacientes do grupo 1, em 29,1% dos pacientes do grupo 2 e em nenhum paciente do grupo 3. O teste apresentou especificidade intermediária (70,8%), porém não foi útil para o diagnóstico diferencial da neurotoxoplasmose em pacientes com SIDA, em nosso estudo. Por outro lado, títulos de IgG no líquor > 1/64 alcançaram 100% de especificidade para o diagnóstico de neurotoxoplasmose na SIDA.

Palavras-chave : SIDA; Neurotoxoplasmose; Síntese de anticorpos; Sistema Nerevoso Central.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons