SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 suppl.2Fatores associados à soropositividade do teste ML Flow em pacientes e contatos de pacientes com hanseníase menores de 18 anosPesquisa de anticorpos anti PGL-I através de ELISA em tatus selvagens do Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

versão impressa ISSN 0037-8682

Resumo

BRITO, Maria de Fátima de Medeiros; XIMENES, Ricardo Arraes Alencar; GALLO, Maria Eugênia Noviski  e  BUHRER-SEKULA, Samira. Associação entre reação hansênica após alta e a carga bacilar avaliada utilizando sorologia anti PGL-I e baciloscopia. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2008, vol.41, suppl.2, pp. 67-72. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822008000700014.

As reações hansênicas são fenômenos imuno inflamatórios que ocorrem durante a evolução da hanseníase. Atualmente com os critérios de finalização de tratamento esta intercorrência pode ser observada após a alta da poliquimioterapia. Trata-se de um estudo caso-controle onde foram comparados, laboratorialmente, os casos de reação hansênica após alta da poliquimioterapia multibacilar (PQT/MB) com o grupo controle para analisar a possível associação entre a reação hansênica após alta e a carga bacilar, utilizando o ML Flow, teste sorológico para detecção de anticorpos contra o Mycobacterium leprae, e os resultados das baciloscopias cutâneas. O estudo foi realizado em dois serviços de referência na cidade de Recife - Pernambuco - Brasil, onde participaram 208 pacientes. Os resultados encontrados indicam que a reação após alta está estatisticamente associada à carga bacilar através da positividade do teste sorológico após alta. Conclui-se que existem fatores de riscos comuns entre a recidiva e a reação após alta.

Palavras-chave : Hanseníase; Teste sorológico ML Flow; Reações hansênicas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · pdf em Português | Inglês