SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 issue6Pulmonary paracoccidoidomycosis: radiology and clinical-epidemiological evaluationAccidents caused by Bothrops and Bothropoides in the State of Paraiba: epidemiological and clinical aspects author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

NICOLETI, Alessandra Furtado; MEDEIROS, Carlos Roberto de; DUARTE, Marcelo Ribeiro  and  FRANCA, Francisco Oscar de Siqueira. Comparação dos acidentes causados por Bothropoides jararaca com e sem envenenamento atendidos no Hospital Vital Brazil do Instituto Butantan, Estado de São Paulo. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2010, vol.43, n.6, pp.657-661. ISSN 0037-8682.  https://doi.org/10.1590/S0037-86822010000600011.

INTRODUÇÃO: Neste estudo, analisou-se todos os casos de picadas (incluindo picadas secas) causadas por Bothropoides jararaca atendidos no Hospital Vital Brazil do Instituto Butantan, São Paulo, Brasil. MÉTODOS: Estudo retrospectivo em que foram incluídos pacientes atendidos no Hospital Vital Brazil do Instituto Butantan, picados por serpentes da espécie Bothropoides jararaca (nº=792) entre 1990 a 2004. Os dados foram obtidos através de prontuários médicos. RESULTADOS: No presente estudo, a maioria dos acidentes foi causada por serpentes fêmeas e filhotes. Não havia presença de conteúdo estomacal em 93,4% das serpentes dissecadas. Não houve diferença estatística entre a ocorrência de picada seca e o sexo da serpente. O comprimento rostro cloacal das serpentes nos casos leves e moderados foram 40,5cm e nos casos severos 99cm. Necrose foi mais comum nos dedos dos pés e das mãos (4,8%) em comparação com outras regiões do corpo (1,8%). Houve diferença estatística entre a gravidade e o intervalo de tempo entre a picada e a admissão hospitalar superior a seis horas. Encontramos uma associação significativa entre gengivorragia e incoagulabilidade sanguínea. Nos acidentes causados por serpentes adultas, a necrose foi mais frequente (7,2%) quando comparado aos acidentes causados por serpentes filhotes (1%). CONCLUSÕES: Neste estudo, destaca-se a associação entre os dados epidemiológicos e biológicos em relação à evolução do quadro clínico nos acidentes botrópicos, contribuindo para a melhoria da assistência nos acidentes ofídicos.

Keywords : Bothrops; Bothropoides; Acidentes ofídicos; Envenenamento; Brasil; Aspectos clínicos.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License