SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue3Prevalence of cholelithiasis in patients with chagasic megaesophagusSchistosoma mansoni specimens first described by Pirajá da Silva in Brazil (1908) re-examined by confocal laser scanning microscopy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

LIMA, Caliandra Maria Bezerra Luna et al. Estudo ultraestrutural das alterações morfológicas de vermes machos de Schistosoma mansoni após exposição in vitro à alicina. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2011, vol.44, n.3, pp. 327-330.  Epub Apr 29, 2011. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822011005000023.

INTRODUÇÃO: O alho apresenta uma ampla gama de ações, incluindo antibacteriana, antiviral, antifúngico, antiprotozoário e anti-helmíntico. Esta atividade antiparasitária tem sido atribuída à alicina, que é o principal constituinte do alho. O presente estudo teve como objetivo investigar a ação in vitro da alicina no tegumento de vermes adultos de Schistosoma mansoni utilizando a microscopia eletrônica de varredura. MÉTODOS: Camundongos Swiss Webster foram infectados com cercárias de S. mansoni (100 por camundongo) e sacrificados 50 dias depois para aquisição de vermes adultos. Estes vermes foram coletados por perfusão e colocados em meio RPMI 1.640 a 37°C antes de transferir para o meio RPMI contendo 0 (controle), 5, 10, 15 e 20mg/mL de alicina, onde eles foram incubados por 2h. Os vermes foram fixados em uma solução de glutaraldeído a 2,5%, lavados duas vezes, pós-fixados em tetróxido de ósmio, lavados duas vezes e então desidratados em séries crescentes de etanol. As amostras foram secadas, montadas em stubs, metalizadas em ouro e visualizadas utilizando o microscópio eletrônico de varredura. RESULTADOS: A concentração de 5mg/mL causou o enrugamento do tegumento; a concentração de 10mg/mL resultou em alterações nos tubérculos e perda ou modificações nos espinhos. Com 15 e 20mg/mL crescentes danos no tegumento pode ser visto, tais como formação de vesículas e presença de úlceras. CONCLUSÕES: Esses resultados demonstram os efeitos da alicina nos vermes adultos de S. mansoni e indicam que a maioria das alterações ocorrem numa concentração maior do que a normalmente indicada para o tratamento.

Keywords : Alho; Schistosoma mansoni; Microscopia eletrônica de varredura.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English