SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.44 issue3Fatal Brazilian spotless fever caused by Rickettsia rickettsii in a dark-skinned patientFamiliar outbreak of botulism at Ceará state, Brazil: case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

FERREIRA, Dennis Carvalho et al. Herpes simplex recorrente: laser terapia como método alternativo para tratamento a longo prazo. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2011, vol.44, n.3, pp. 397-399. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822011000300029.

Os vírus do herpes simplex tipos 1 e 2 são os principais agentes infecciosos associados às ulcerações orais e vaginais. Estas infecções são amplamente reconhecidas como doenças sexualmente transmissíveis. Entre as opções de tratamento, o laser de baixa intensidade (LBI) mostrou resultados promissores como terapia de supressão de longa duração. Descrevemos dois casos clínicos com herpes labial recorrentes nos quais o LBI foi utilizado que permaneceram assintomáticos durante 17 meses de controle clínico.

Keywords : Laser de baixa intensidade; Herpes simplex tipo 1; Herpes simplex tipo 2.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English