SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número4Ecological aspects of the sandfly fauna (Diptera, Psychodidae) in an American cutaneous leishmaniasis endemic area under the influence of hydroelectric plants in Paranapanema river, State of Paraná, BrazilLiver fibrosis progression in HIV/hepatitis C virus coinfected patients with normal aminotransferases levels índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

versión impresa ISSN 0037-8682

Resumen

ALVES, Graziella Borges et al. Fauna flebotomínica (Diptera: Psychodidae) em assentamentos rurais no Município de Cáceres, Estado de Mato Grosso, Brasil. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2012, vol.45, n.4, pp. 437-443.  Epub 26-Jul-2012. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822012005000010.

INTRODUÇÃO: As leishmanioses encontram-se em expansão no Brasil, inclusive no Estado de Mato Grosso (MT). A presente pesquisa teve como objetivo estudar a fauna flebotomínica emtrês assentamentos rurais localizados no município de Cáceres, MT, entre agosto de 2010 e julhode 2011. MÉTODOS: As coletas foram realizadas na margem da mata, no intra e peridomicílio com armadilhas automáticas luminosas, quinzenalmente, das 17h às 6h. RESULTADOS: Foram coletados 630 exemplares, sendo 348 fêmeas e 282 machos. Os espécimes foramdistribuídos em 11 gêneros: Brumptomyia, Evandromyia, Expapillata, Lutzomyia, Martinsmyia,Micropygomyia, Nyssomyia, Pintomyia, Psathyromyia, Psychodopygus e Sciopemyia e 28 espécies, sendo que dentre estas, seis não haviam sido assinaladas em MT (Brumptomyia avellari, Br. mangabeirai, Evandromyia aldafalcaoae, Micropygomyia echinatopharynx, Micropygomyia peresi e Pa. campograndensis). Ressalta-se o encontro de Nyssomyia whitmani, espécie mais abundante nos diferentes ecótopos em todos os assentamentos. Destaca-se também a presençadas espécies Lutzomyia longipalpis e Lutzomyia cruzi em simpatria. CONCLUSÕES: A ocupação desordenada do ambiente, como vem ocorrendo nos assentamentos Mata Comprida, LaranjeiraI e II, pode proporcionar a domiciliação de populações selváticas de flebotomíneos, dentre estes os vetores das leishmanioses, tornando-se necessários maiores estudos para entender a dinâmica de transmissão dessas morbidades nestes locais.

Palabras llave : Mato Grosso; Fauna flebotomínea; Nyssomyia whitmani; Assentamento rural.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés