SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 issue4Antigens of worms and eggs showed a differentiated detection of specific IgG according to the time of Schistosoma mansoni infection in miceDevelopment of cognitive abilities of children infected with helminths through health education author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

Print version ISSN 0037-8682

Abstract

CARNEIRO, Teiliane Rodrigues et al. Aumento da detecção da esquistossomose com Kato-Katz e SWAP-IgG-ELISA, em área de baixa endemicidade, no nordeste do Brasil. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2012, vol.45, n.4, pp.510-513. ISSN 0037-8682.  https://doi.org/10.1590/S0037-86822012000400019.

INTRODUÇÃO: O diagnóstico laboratorial da esquistossomose é baseada principalmente na detecção de ovos do parasito nas fezes, realizada pela técnica de Kato-Katz (KK), com a leitura de uma lâmina por teste. No entanto, uma limitação conhecida dos métodos coproscópicos é a reduzida sensibilidade, especialmente nas áreas de baixa endemicidade. MÉTODOS: A fim de reduzir essa limitação, realizamos mais leituras da mesma amostra de fezes pelo método coproscópico e associamos a um teste sorológico.Utilizamos o método de KK (três lâminas) e a técnica de IgG-ELISA, buscando aumentar a sensibilidade do diagnóstico da esquistossomose em área de baixa endemicidade, no Estado Brasileiro do Ceará. Amostras de fezes e soro de 250 indivíduos foram analisadas. RESULTADOS: Destas, 40 e 118 foram positivas nos testes coproscópico e sorológico, respectivamente. Na coproscopia, 32 (80%) indivíduos tiveram testes positivos na primeira lâmina, 6 (15%) na segunda e 2 (5%) apenas na terceira lâmina. O desempenho do teste de ELISA no diagnóstico utilizando-se o método KK como referência de diagnóstico, demonstrou valor preditivo negativo de 100% mas a especificidade e o valor preditivo positivo foram de 62,8% e 33,9%, respectivamente. CONCLUSÕES: Neste estudo, o aumento de uma para três lâminas analisadas por amostra pelo KK, mostrou ser um procedimento útil para o aumento da sensibilidade diagnóstica desta técnica.

Keywords : Esquistossomose; Diagnóstico; Schistosoma mansoni; Kato-Katz; ELISA.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License