SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número5Spatial distribution of schistosomiasis and geohelminthiasis cases in the rural areas of Pernambuco, BrazilThe first record of Lutzomyia longipalpis (Lutz & Neiva, 1912) (Diptera: Psychodidae: Phlebotominae) in the State of Paraná, Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

versión impresa ISSN 0037-8682

Resumen

LOPES, Marta Heloisa et al. Revacinação contra hepatite B para profissionais de saúde com anti-HBs negativo após receber esquema primário de vacinação completo. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [online]. 2012, vol.45, n.5, pp. 639-642. ISSN 0037-8682.  http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822012000500018.

INTRODUÇÃO: Esse estudo avaliou a resposta à revacinação contra hepatite B (HB) entre profissionais de saúde (PS) com anti-HBs negativo após esquema de vacinação completo. MÉTODOS: PS cujo anti-HBs foi realizado > 90 dias após a última dose do esquema vacinal receberam 4ª dose da vacina. O anti-HBs foi repetido 30-90 dias após. RESULTADOS: Entre 170 PS, 126 (74,1%) tiveram anti-HBs positivo após a 4ª dose. CONCLUSÕES: Repetir o teste sorológico após a 4ª dose é estratégia prática caso o anti-HBs tenha sido realizado > 90 dias após a última dose da vacina.

Palabras llave : Vacinação contra hepatite B; Profissionais de saúde.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés