SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16Desenvolvimento morfológico de folhas de Hevea brasiliensis Muell. Arg. e H. pauciflora Muell. Arg. submetidas a dois regimes hídricosNotes of the flora of serra Aracá author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Amazonica

Print version ISSN 0044-5967On-line version ISSN 1809-4392

Abstract

RENNER, Susanne S.. Reproductive biology of Bellucia (MELASTOMATACEAE). Acta Amaz. [online]. 1986, vol.16, pp.197-218. ISSN 0044-5967.  http://dx.doi.org/10.1590/1809-43921986161208.

Foram investigadas, quanto à biologia reprodutiva, cinco das sete espécies de Bellucia (Melastomataceae), um gênero de arbustos e árvores de pequeno porte na Amazônia. Para as plantas de Bellucia produzirem frutos, é necessário haver a visita de abelhas às flores. As flores são produzidas o ano todo e são visitadas por uma variedade de abelhas femininas, sendo os principais polinizadores as abelhas dos gêneros Xylocopa, Centris, Ptilotopus, Epucharis, Eulaema e Oxaea. As flores atraem pela cor e pelo odor produzido pelo pólen, pelos estames e pelas pétalas. As abelhas são recompensadas com pólen. Três espécies de Bellucia são auto-incompatíveis. Devido às visitas indiscriminadas pelos visitantes, e à falta de barreiras fenológicas, morfológicas ou genéticas, ocorre com frequência a hibridação entre espécies simpátricas. Nunca foram encontradas mais de duas espécies no mesmo habitat em cada uma localidade. O fruto de Bellucia é uma baga com pequenas e numerosas sementes dispersadas por pássaros, morcegos, macacos, antas, jabotis e formigas. As plântulas requerem sol pleno para se estabelecerem e crescerem sobre vários tipos de solo. Consideramos a estratégia reprodutiva como sendo a de uma planta pioneira.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )