SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número4 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Memórias do Instituto Oswaldo Cruz

versão impressa ISSN 0074-0276

Resumo

LEAO, A. E. Arêa. Considerações sobre os Thallosporados: o gênero Trichosporon: "Trichosporon minor" n. sp. produtor da piedra axilar. Mem. Inst. Oswaldo Cruz [online]. 1940, vol.35, n.4, pp. 729-745. ISSN 0074-0276.  http://dx.doi.org/10.1590/S0074-02761940000400003.

O autor estuda o gênero trichosporon, sob o ponto de vista da sistemática e como produtor da piedra branca e de micoses internas generalisadas do tipo gomoso. Estabelece a prioridade do termo Trichosporon, como foi descrito primeiramente, por BEHREND, devendo-se abandonar a designação posterior de Trichosporum, dada por VUILLEMIN. Estuda a distinção das duas piedras – a piedra branca ou trichosporica e a piedra negra ou asterinica. As lesões produzidas pelos dois cogumelos no pelo parasitado são consideradas como fator indispensável para a fixação do parasito no pêlo e para a formação ulterior no nódulo. Por iim descreve uma nova espécie de piedra, a piedra axilar, produzida pelo Trichosporon minor n. sp. Trichosporon minor n. sp. – cogumelo produtor da piedra axilar, formando nos cabelos desta região pequenos nódulos de coloração acinzentada, de consistência dura e tamanho variável e constituídos de células arredondadas, elíticas ou alongadas, medindo 0,5 a 4 μde diâmetro e algumas germulantes formando cadeias de dois a quatro elementos. Descola a epidermícula do cabelo, onde se fixa, sem entretanto penetrar nas camadas mais profundas. Nos meios artificiais de cultura dá colônias a princípio chatas de superfície húmida e aveludada com franjas espessas e salientes ou colônias vermiculares, ou culturas brancas, chatas, semelhantes a culturas de actinomyces. Não fermenta os açúcares; gelifica tardiamente a gelatina.

        · texto em Português     · pdf em Português