SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.82 issue4Epidemiological aspects of the American cutaneous leishmaniasis: 5. Stratification of the spatial and seasonal activity of the Phelebotominae (Diptera, Psychodidae) in agricultural cultivated area of Ribeira Valley, São Paulo State, BrazilComparative study of helminth parasites of fishes from Mogi Guassu river, collected during expeditions between 1927 and 1985 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Memórias do Instituto Oswaldo Cruz

Print version ISSN 0074-0276

Abstract

SOUZA, Wilson J. S. et al. Aspectos epidemiológicos da toxoplasmose em escolares residentes em localidades com características urbana e rural do Rio de Janeiro, Brasil. Mem. Inst. Oswaldo Cruz [online]. 1987, vol.82, n.4, pp. 475-482. ISSN 0074-0276.  http://dx.doi.org/10.1590/S0074-02761987000400005.

Foram feitos testes de imunofluorescência (IF) para toxoplasmose em 608 escolares do 1º grau, sendo 166 de Bonsucesso (área urbana do Rio de Janeiro) e 442 da baixa de Jacarepaguá (área com características rurais). Todas as IF-IgM foram não-reagentes, enquanto que 416 escolares (68,4%) foram soro-reagentes na IF-IgG (maior ou igual a 1:16). As percentagens de soro-reagentes em Jacarepaguá foram significantemente superiores às de Bonsucesso, tanto em relação ao número total de escolares, como quando subdivididos segundo as faixas etárias de 6 a 8 anos ou de 12 a 14 anos. Tanto em Jacarepaguá quanto em Bonsucesso, a prevalência de reagentes no grupo etário de 12 a 14 anos foi significantemente maior do que no grupo de 6 a 8 anos de idade. Em Jacarepaguá encontraram-se prevalências significantemente maiores de soro-reagentes entre os escolares que referiam a ingestão de carne crua ou mal cozida, assim como entre o que possuiam gato; isto ocorreu tanto no grupo etário de 6 a 8 anos como no de 12 a 14 anos. Em Bonsucesso só houve diferença significante entre as crianças de 6 a 8 anos que possuiam gatos no domicílio. Verificou-se assim que em área com característica rural o risco de infecção era maior e mais precoce do que em área urbana.

Keywords : toxoplasmose; transmissão; seroepidemiologia.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English