SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 issue3Medication systems in hospitals and their evaluation by professional groupsKnowledge of women about the Paptest in a Basica Unit of Health in Natal author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Escola de Enfermagem da USP

Print version ISSN 0080-6234

Abstract

OLIVEIRA, Sonia Maria Junqueira V. de  and  MIQUILINI, Elaine Cristina. Freqüência e critérios para indicar a episiotomia. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2005, vol.39, n.3, pp. 288-295. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342005000300006.

Trata-se de estudo exploratório com o objetivo de identificar a freqüência, os tipos e os critérios adotados para indicar a episiotomia. Foram entrevistados 12 médicos e 12 enfermeiras que prestam assistência à parturiente no Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. A episiotomia ocorreu em 76,2% dos partos normais; as indicações mais freqüentes foram: rigidez perineal (28,7%), primiparidade (23,7%), feto macrossômico (11,9%), prematuridade (10,2%). O tipo mais citado foi médio-lateral direito (92,0%), justificado por: aprendizado durante a formação acadêmica (25,9%), ser adotada rotineiramente (19,4%), menor chance de lesar o esfíncter anal (16,1%), menor risco de complicações (16,1%). É necessário rever as práticas de atendimento à parturiente, considerando as evidências científicas e condutas individualizadas.

Keywords : Episiotomia; Parto normal; Períneo.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese