SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 issue3Nursing diagnoses of burn victims' family membersValidation of a theoretical model applied on the care of families with a child with cardiopathy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Escola de Enfermagem da USP

Print version ISSN 0080-6234

Abstract

PIMENTA, Cibele Andrucioli de Mattos  and  CRUZ, Diná de Almeida Lopes Monteiro da. Crenças em dor crônica: validação do Inventário de Atitudes frente à Dor para a língua portuguesa. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2006, vol.40, n.3, pp. 365-373. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342006000300008.

Este estudo validou o Inventário de Atitudes frente à Dor - versão reduzida (IAD-breve) para a língua portuguesa. Sessenta e nove pacientes brasileiros foram avaliados. Os pacientes foram mulheres (71%), a idade média foi 50,8 anos (±15,4), a escolaridade média 7,4 anos (±4,8), e as dores mais freqüentes foram de etiologia musculoesquelética (39,1%), relacionadas ao câncer (34,8%) e neuropáticas (20,3%). A análise fatorial resultou em sete domínios (Controle, Dano-físico, Incapacidade, Cura Médica, Emoção, Medicação e Solicitude), como no instrumento original. A consistência interna, avaliada pelo µ Chronbach, variou de 0,55 a 0,89, valores considerados moderados e bons. A versão em português apresentou equivalência conceitual à versão em inglês. A disponibilidade do IAD-breve, em português, pode contribuir para a melhoria da pesquisa e prática clínica em pacientes com dor crônica.

Keywords : Dor; Atitude; Cognição; Medição da dor.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese