SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 issue3Vulnerability and suffering in the work of a community health agent in the Family Health ProgramAssistance to newborns in a Family Health Program author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Escola de Enfermagem da USP

Print version ISSN 0080-6234

Abstract

POSSATO, Marina; PARADA, Cristina Maria Garcia de Lima  and  TONETE, Vera Lúcia Pamplona. Representação de gestantes tabagistas sobre o uso do cigarro: estudo realizado em hospital do interior paulista. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2007, vol.41, n.3, pp. 434-440. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342007000300013.

Este estudo objetivou apreender as representações de gestantes tabagistas sobre o uso de cigarro. Utilizou-se como referencial teórico a Teoria das Representações Sociais. Para análise dos dados, construiu-se o Discurso do Sujeito Coletivo. Das 27 mulheres entrevistadas, 18 possuíam primeiro grau completo, oito, o segundo grau completo e uma, ensino superior; 14 tinham união estável, seis eram casadas. Quatro temas emergiram: 1) o início do hábito de fumar: prática social e natural; 2) satisfação versus culpa; 3) uma bomba: efeitos do cigarro na gestação; 4) cessação: entre o querer e o poder. Apreendeu-se representação negativa do cigarro, considerado o pior dos vícios e potencial causador de complicações feto-maternas. O tabagismo foi representado de maneira preconceituosa, desconsiderando a existência e necessidade de tratamento. Emergiram dificuldades relativas à cessação, trazendo a necessidade de ajuda profissional, para informações, abordagem e tratamento adequados e apoio para que se alcance êxito.

Keywords : Gravidez; Tabagismo; Tabaco.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese