SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 issue4Scholars' perception about hospitalization: contributions for nursing careThe vulnerability experienced by the family of children hospitalized in a pediatric intensive care unit author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Escola de Enfermagem da USP

Print version ISSN 0080-6234

Abstract

GURGEL, Eloah de Paula Pessoa et al. Eficácia do uso de membrana semipermeável em neonatos pré-termo na redução de perdas transepidérmicas. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2011, vol.45, n.4, pp.818-824. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342011000400004.

Neste estudo, investigou-se a eficácia do uso da membrana semipermeável na pele de recém-nascido pré-termo sobre a evolução da perda ponderal e valores da glicemia, cota hídrica, densidade urinária e sódio. Estudo experimental, tipo ensaio clínico randomizado, realizado no período de março a agosto de 2008, na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal, de uma maternidade pública, na cidade de Fortaleza-Ceará, Brasil. A amostra foi constituída de 42 recém-nascidos pré-termo. Os dados foram apresentados em tabelas e quadros. Na aplicação da membrana semipermeável, os recém-nascidos pré-termos do Grupo de Intervenção tiveram uma diminuição de níveis de sódio e de exigências fluidas diárias, como também apresentaram menores episódios de hiperglicemia e a densidade urinária foi mantida dentro dos padrões de normalidade. A membrana semipermeável é, de fato, um recurso terapêutico eficaz para minimizar as perdas de água transepidérmicas.

Keywords : Recém-nascido; Prematuro; Pele; Terapêutica; Enfermagem neonatal.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · English ( pdf epdf ) | Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License