SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 issue4Scholars' perception about hospitalization: contributions for nursing careThe vulnerability experienced by the family of children hospitalized in a pediatric intensive care unit author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Escola de Enfermagem da USP

Print version ISSN 0080-6234

Abstract

GURGEL, Eloah de Paula Pessoa et al. Eficácia do uso de membrana semipermeável em neonatos pré-termo na redução de perdas transepidérmicas. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2011, vol.45, n.4, pp. 818-824. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342011000400004.

Neste estudo, investigou-se a eficácia do uso da membrana semipermeável na pele de recém-nascido pré-termo sobre a evolução da perda ponderal e valores da glicemia, cota hídrica, densidade urinária e sódio. Estudo experimental, tipo ensaio clínico randomizado, realizado no período de março a agosto de 2008, na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal, de uma maternidade pública, na cidade de Fortaleza-Ceará, Brasil. A amostra foi constituída de 42 recém-nascidos pré-termo. Os dados foram apresentados em tabelas e quadros. Na aplicação da membrana semipermeável, os recém-nascidos pré-termos do Grupo de Intervenção tiveram uma diminuição de níveis de sódio e de exigências fluidas diárias, como também apresentaram menores episódios de hiperglicemia e a densidade urinária foi mantida dentro dos padrões de normalidade. A membrana semipermeável é, de fato, um recurso terapêutico eficaz para minimizar as perdas de água transepidérmicas.

Keywords : Recém-nascido; Prematuro; Pele; Terapêutica; Enfermagem neonatal.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese