SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 número3Um casal de idosos e sua longa convivência com quatro filhos esquizofrênicosAgentes Comunitários de Saúde e as vivências de prazer - sofrimento no trabalho: estudo qualitativo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista da Escola de Enfermagem da USP

versão impressa ISSN 0080-6234

Resumo

ARAUJO, Monica Martins Trovo de  e  SILVA, Maria Júlia Paes da. Estratégias de comunicação utilizadas por profissionais de saúde na atenção à pacientes sob cuidados paliativos. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2012, vol.46, n.3, pp. 626-632. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342012000300014.

O presente estudo objetivou verificar a relevância e a utilização de estratégias de comunicação em cuidados paliativos. Estudo quantitativo multicêntrico, realizado entre agosto/2008 e julho/2009, junto a 303 profissionais de saúde que trabalhavam com pacientes sob cuidados paliativos, por meio da aplicação de questionário. Os dados foram submetidos a tratamento estatístico descritivo. A maioria (57,7%) não foi capaz de citar ao menos uma estratégia de comunicação verbal e apenas 15,2% mencionaram cinco sinais ou estratégias não verbais. As estratégias verbais mais citadas foram as de cunho interrogativo sobre a doença/tratamento e, dentre as não verbais, destacaram-se o toque afetivo, olhar, sorriso, proximidade física e escuta ativa. Embora os profissionais tenham atribuído alto grau de relevância para a comunicação em cuidados paliativos, evidenciaram escasso conhecimento de estratégias de comunicação. Faz-se necessária a capacitação dos profissionais no que tange à comunicação em cuidados paliativos.

Palavras-chave : Comunicação; Cuidados paliativos; Equipe de assistência ao paciente; Relações interpessoais.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · pdf em Português | Inglês