SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 número3Micropolítica do trabalho dos profissionais de saúde na UBS: visão sobre necessidades de saúde das famíliasArticulação das ações e interação dos Agentes Comunitários de Saúde na equipe de Saúde da Família índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista da Escola de Enfermagem da USP

versão impressa ISSN 0080-6234

Resumo

FORTUNA, Cinira Magali et al. Notas cartográficas do trabalho na Estratégia Saúde da Família: relações entre trabalhadores e população. Rev. esc. enferm. USP [online]. 2012, vol.46, n.3, pp. 657-664. ISSN 0080-6234.  http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342012000300018.

Essa pesquisa-intervenção teve como objetivo cartografar os movimentos instituídos e instituintes presentes no trabalho da Estratégia Saúde da Família, no que tange a composição de suas práticas cuidativas. O referencial teórico metodológico fundamentou-se na análise institucional, linha esquizoanalítica. Foram realizados encontros grupais com uma equipe para discutir o modo como realizavam os cuidados coletivos em ação de educação permanente em saúde. Os sujeitos da pesquisa foram trabalhadores da equipe e estudantes em atividade acadêmica no serviço. A média de participação foi de doze pessoas por encontro, sendo que se desenvolveram oito encontros no período de março a julho de 2010. Os dados foram agrupados em dois estratos imanentes: as relações da equipe e a relação com os usuários. Os estratos apontaram para o atravessamento das instituições de educação, justiça e da divisão técnica e social do trabalho. A reflexão coletiva em grupo mostrou-se potente, para desnaturalizar processos instituídos e interrogar lugares, saberes e práticas.

Palavras-chave : Saúde da família; Processos grupais; Atenção Primária à Saúde; Educação em saúde; Equipe de assistência ao paciente.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · pdf em Português | Inglês