SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue6Effect of calcium silicate suplly and the nutritional efficiency of coffee cultivarsNitrongen-fertilizer recommendation for high corn yields under no-tillage in the South-Central region of Paraná State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Ciência do Solo

On-line version ISSN 1806-9657

Abstract

LANA, Regina Maria Quintão; FARIA, Marcos Vieira de; BONOTTO, Ivan  and  LANA, Ângela Maria Quintão. Cobalto e molibdênio em suspensão concentrada no tratamento de semente em soja. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2009, vol.33, n.6, pp.1715-1720. ISSN 1806-9657.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832009000600020.

A formulação suspensão concentrada (SC), que é à base de trióxido de Mo, permite altas concentrações de Mo por unidade de volume; é, portanto, um avanço tecnológico no tratamento de semente, pois há condições de obedecer à recomendação de Mo da Embrapa em volumes de dosagens menores que os produtos em formulação solução líquida (LS). Objetivou-se avaliar a eficácia de doses de fertilizantes contendo Co e Mo em formulação suspensão concentrada (CS) em comparação com a formulação solução líquida (LS), bem como a associação dos fertilizantes com fitormônio aplicados no tratamento de semente e o desempenho na produtividade da soja. Foram realizados dois experimentos, em dois anos consecutivos, nas safras de 2004/2005 e 2005/2006. O primeiro foi conduzido na área experimental da Fazenda Capim Branco, com seis tratamentos e quatro repetições: (1) Mo e Co (CS) - 22 g ha-1 + 1,08 g ha-1; (2) Mo e Co (CS) - 22 g ha-1 + 1,08 g ha-1 + fitormônio - 200 mL ha-1; (3) Mo e Co (LS) - 20,7 g ha-1 + 4,13 g ha-1; (4) Mo e Co (LS) - 20,7 g ha-1 + 4,13 g ha-1 + fitormônio - 200 mL ha-1; (5) fitormônio - 200 mL ha-1; e (6) testemunha (ausência de Mo e Co no tratamento de sementes). A composição do fitormônio é à base de auxina (11 mg L-1) e citocinina (0,031 mg L-1). A cultivar de soja utilizada foi a Monsoy 8004, e a adubação de semeadura foi realizada com 400 kg ha-1 da formulação 02-20-20. De posse dos resultados obtidos no primeiro experimento, foi realizado outro experimento na Fazenda Floresta do Lobo, localizada no município de Uberlândia, MG. O delineamento experimental foi de blocos casualizados, com nove tratamentos e quatro repetições. Foram aplicados, em tratamento de semente, nas doses em g ha-1 de Mo e Co: formulação CS - (15, 25, 35, 45, 60 e 0,74; 1,23; 1,72; 2,21; 2,95), respectivamente formulação LS - (15; 20 e 25 e 3,18; 4,25; 5,31), respectivamente; e a testemunha (ausência de Mo e Co no tratamento de sementes). Utilizou-se a cultivar Monarca, com a adubação de semeadura de 300 kg ha-1 do formulado 03-32-06; e adubação de cobertura com 78 kg ha-1 de K2O, aos 30 DAE. As doses de Mo e Co no tratamento de semente com solução líquida e suspensão concentrada, aumentaram o rendimento de grãos de soja. A produtividade da soja foi superior à da testemunha a partir das doses de 20 g ha-1 de Mo e 4,25 g ha-1 de Co na solução líquida e de 35 g ha-1 de Mo e 1,72 g ha-1 de Co na suspensão concentrada.

Keywords : Glycine max; micronutrientes; tecnologia de fertilizantes; nutrição.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License