SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue5Nitrogen dynamics in soil management systems. I - flux of inorganic nitrogen (NH4+ and NO3-)Yield and development of plant cane and ratoon cane as related to manganese rates and sources author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Ciência do Solo

On-line version ISSN 1806-9657

Abstract

CARDOSO, Eduardo Garcia et al. Dinâmica do nitrogênio em sistemas de manejo do solo: II - taxas de mineralização e nitrificação. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2011, vol.35, n.5, pp.1651-1660. ISSN 1806-9657.  https://doi.org/10.1590/S0100-06832011000500019.

O nitrogênio é o principal fator limitante na produtividade das culturas e sistemas de manejo do solo podem alterar as taxas de mineralização e de nitrificação. Em experimento sobre sistemas de manejo do solo implantado em 1988, na Estação Experimental da Fundação ABC, de Ponta Grossa, região Centro-Sul do Estado do Paraná, foi realizado um estudo sobre a dinâmica do nitrogênio inorgânico, visando contribuir para a estratégia de manejo dos solos que conduzam à sustentabilidade ambiental. O objetivo deste trabalho foi calcular as taxas líquidas de mineralização e nitrificação do N no solo e a correlação com o pH do solo, afetados por sistemas de manejo. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos completos ao acaso, em esquema de parcelas subdivididas com três repetições. As parcelas foram constituídas pelos seguintes SMS: 1) preparo convencional (PC); 2) preparo mínimo (PM); 3) plantio direto com escarificação a cada três anos (PDE); e 4) plantio direto permanente (PDP). Para avaliar a dinâmica do N inorgânico, as subparcelas foram constituídas pelo tempo de coleta (11 tempos de coleta - T1 a T11). Nos sistemas PDP e PDE, as taxas líquidas de mineralização foram superiores às de PM e PC, na camada de 0-2,5 cm do solo, enquanto na camada de 2,5-5 cm a taxa de nitrificação foi maior. Logo após o manejo da aveia branca, as taxas de mineralização e nitrificação, em todas as camadas do solo, foram maiores no PM e no PC. No período de desenvolvimento da cultura da soja, nas camadas de 0-2,5 e 2,5-5 cm do solo as taxas de mineralização e nitrificação foram superiores nos sistemas PDP e PDE.

Keywords : sistemas conservacionistas; plantio direto; cultivo convencional; pH do solo.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License