SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue6Heavy rainfall equations for Santa Catarina, BrazilInterril erosion from area under burned and green sugarcane harvested by hand and mechanically author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Ciência do Solo

Print version ISSN 0100-0683

Abstract

ZHAO, Pei; SHAO, Ming An; OMRAN, Wail  and  AMER, Abdel-monem Mohamed. Efeito da erosão e da deposição sobre a distribuição do tamanho de partículas de solos de depósitos de áreas agrícolas no "loess plateau" na china. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2011, vol.35, n.6, pp. 2135-2144. ISSN 0100-0683.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832011000600028.

A distribuição do tamanho das partículas do solo (PSD) está fortemente relacionada à sua erosão, deposição e aos processos físicos e químicos ocorridos no perfil do solo. A ciclagem da água e o crescimento das plantas também são alterados pelo PSD. Antes da construção das barragens, os solos depositados nas áreas agrícolas (DF) foram amplamente formados no "Loess Plateau", na China (LPC), onde os mais sérios problemas de erosão do solo ocorreram no mundo. Duas DFs, sem preparo do solo, localizadas no LPC foram escolhidas para estudar conjuntamente o efeito da erosão e das barragens na PSD. Novecentas e trinta e duas amostras de solo foram analisadas usando granulometria a laser, a partir de coletas realizadas em 88 camadas (espessura de 10 cm cada camada) formadas por deposição de solos em áreas agrícolas (FDF) e em 22 camadas formadas por deposição de silte (SDF). Os tamanhos das partículas foram estratificados, em ambas as DFs, em função das propriedades do solo e de sua resistência à erosão. Os resultados obtidos para as frações silte e argila mostraram que elas possuem distribuição horizontal similar, indicando características paralelas dos processos de erosão e deposição. A areia fina foi a fração mais encontrada, o que sugere uma separação preferencial desta. Das camadas de solo estudadas, a faixa mais erodível dos tamanhos de partículas foi a de 0,25-0,5 mm, seguida pela de 0,20-0,25 mm. Aumento da correlação entre o tamanho das partículas e o conteúdo de água no solo foi observado na FDF. Devido à abundância de águas subterrâneas superficiais em SDF, os tamanhos de partículas não se relacionaram com o conteúdo de água no solo. Mais estudos sobre a distribuição do tamanho das partículas em DFs são necessários para indicar um melhor manejo e conservação do solo e da água nessas áreas agrícolas.

Keywords : textura; estratificação; erodibilidade de solos; construção de barragem; manejo do solo.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English