SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue6Influence of organic-mineral fertilization of an oxisol on soil chemical properties and Bracharia brizantha production author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Revista Brasileira de Ciência do Solo

Print version ISSN 0100-0683

Abstract

MEZZARI, Melissa Paola; ZIMERMANN, Daniela Mara Hoffmann; CORSEUIL, Henry Xavier  and  NOGUEIRA, Alexandre Verzani. Potencial de gramíneas e de bactérias da rizosfera na remediação de solos contaminados com óleo diesel. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2011, vol.35, n.6, pp. 2227-2236. ISSN 0100-0683.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832011000600038.

Os processos de remediação de acidentes ambientais causados por hidrocarbonetos de petróleo geralmente envolvem soluções de alto custo. Uma solução alternativa, de baixo custo e com relevância prática e ecológica é a associação de plantas e microrganismos, os quais contribuem para a degradação e remoção de hidrocarbonetos no solo. O crescimento de três espécies de gramíneas (Brachiaria brizantha, Brachiaria decumbens e Paspalum notatum) e a sobrevivência de comunidades bacterianas associadas à zona de raízes foram avaliados sob diferentes concentrações de óleo diesel. Sementes das três espécies de gramíneas foram germinadas em casa de vegetação e em diferentes doses de diesel: 0; 2,5; 5; e 10 g kg-1 solo. As plantas foram cultivadas por 10 semanas, com avaliação periódica de germinação, crescimento (peso do material fresco e seco), altura e número de bactérias no solo (vasos com plantas ou sem plantas). Houve diminuição significativa do crescimento e da biomassa de B. decumbens e P. notatum quando cultivadas em solos contaminados por óleo diesel. A presença do óleo não comprometeu o crescimento de B. brizantha, a qual apresentou elevada tolerância ao poluente. O crescimento de bactérias foi significativo (p < 0,05), sendo o aumento diretamente proporcional às doses de diesel. A presença das gramíneas em solos com diesel propiciou o crescimento de bactérias no solo em até cinco vezes, evidenciando as interações positivas entre a rizosfera e as bactérias degradadoras de hidrocarbonetos na remediação de solos contaminados com diesel.

Keywords : óleo diesel; contagem bacteriana; crescimento da planta.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English