SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 número5Índice de qualidade do solo associado à recarga de água subterrânea (IQS RA) na Bacia Hidrográfica do Alto Rio Grande, MGResíduos orgânicos industriais e urbanos aumentam a atividade e a biomassa microbiana do solo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciência do Solo

versão On-line ISSN 1806-9657

Resumo

BRUNETTO, Gustavo et al. Alterações na acidez do solo e no carbono orgânico em um Argissolo com histórico de aplicação de dejetos líquidos de suínos e cama sobreposta. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2012, vol.36, n.5, pp.1620-1628. ISSN 1806-9657.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832012000500026.

As aplicações sucessivas de dejetos de suínos, na forma líquida, podem incrementar os teores de carbono orgânico total no solo e de nutrientes, bem como alterar os atributos relacionados à acidez do solo, porém há pouca informação acerca do efeito do uso de cama sobreposta de suínos sobre os atributos da acidez do solo e o carbono orgânico. Este trabalho objetivou avaliar a alteração nos teores de carbono orgânico e nos atributos relacionados à acidez em um solo com histórico de aplicação de dejetos líquidos de suínos e cama sobreposta. Após oito anos da instalação de um experimento localizado no município de Braço do Norte, Santa Catarina (SC), sobre um Argissolo Vermelho, foram coletadas amostras de solo nas camadas de 0-2,5, 2,5-5, 5-10, 10-15, 15-20 e 20-30 cm, em tratamentos sem aplicação de dejeto e com a aplicação de dejetos líquidos de suínos e de cama sobreposta de suínos em duas doses: para suprir uma e duas vezes a necessidade de N para a sucessão milho e aveia-preta. O solo foi seco, moído, passado em peneira e submetido à análise de carbono orgânico total, pH em água, Al, Ca e Mg trocáveis; com base nos dados obtidos, calcularam-se a capacidade de troca de cátions efetiva (CTCefetiva) e a pH 7.0 (CTCpH7,0), H+Al e a saturação por bases e Al. Os resultados mostram que as aplicações de dejetos líquidos de suínos e cama sobreposta durante oito anos aumentaram o teor de COT e a CTC no solo até a profundidade de 30 cm. A aplicação de cama sobreposta de suínos diminuiu os valores de acidez ativa e de saturação por Al e aumentou os valores de saturação por bases até 30 cm de profundidade. O uso de dejetos líquidos por oito anos não provocou nem acidificação nem correção da acidez do solo, indicando que o efeito desse resíduo nos atributos da acidez do solo foi pequeno ou nulo.

Palavras-chave : esterco; pH em água; saturação por bases; saturação por alumínio; sistema plantio direto.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons