SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 número6Sistema integrado de diagnose e recomendação (DRIS) para diagnóstico do teor de óleo em grão de sojaResistência à penetração e rendimento da soja após intervenção mecânica em latossolo vermelho sob plantio direto índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Ciência do Solo

versão On-line ISSN 1806-9657

Resumo

MOTA, Francisco Ocian Bastos et al. Qualidade física de um latossolo amarelo sob diferentes usos. Rev. Bras. Ciênc. Solo [online]. 2012, vol.36, n.6, pp.1828-1835. ISSN 1806-9657.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832012000600017.

O uso do solo promove alterações em seus atributos físicos de acordo com o manejo, a intensidade de preparo e o tipo de cultura. Os objetivos deste trabalho foram medir as alterações de alguns atributos físicos do solo e avaliar sua qualidade física pelo índice S, um indicador proposto por Dexter (2004), comparando usos com reflorestamento com eucalipto de diferentes idades, pastagem utilizada para os animais, culturas anuais e uma área preservada de vegetação secundária em relação a uma área preservada de mata nativa (Floresta Nacional do Araripe - Flona), a qual foi utilizada como controle. O estudo foi conduzido em Latossolo Amarelo distrófico, em áreas da Fazenda Redenção, localizada no município de Jardim, Estado do Ceará, Brasil. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado com sete tratamentos e três repetições, nas profundidades de 0-0,1 e 0,1-0,2 m. Os atributos físicos do solo analisados foram: densidade do solo e de partícula, volume total de poros, micro e macroporosidade, curvas de retenção de água no solo e água disponível. Com base no índice S, a hipótese de que o uso do solo piora a sua qualidade física foi aceita, ficando evidente que o solo sob mata nativa foi o que apresentou as melhores condições físicas em todos os atributos estudados, seguido de perto pela área reflorestada com eucalipto de 20 anos. O solo utilizado com pastagem para os animais foi o tratamento com os atributos físicos mais alterados, sobretudo na camada surface (0-0,1 m), fato evidenciado pelo aumento na densidade do solo e pela redução do volume total de poros, especialmente da macroporosidade. A microporosidade não se alterou em todos os tipos de usos e profundidades pesquisados.

Palavras-chave : uso do solo; atributos físicos do solo; índice S; degradação do solo; Chapada do Araripe - Brasil.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons