SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 issue3Relationship between bean leaf structure and the Glomerella cingulata f.sp. phaseoli preinfectionGenetic characterization of the Moxotó goat breed using RAPD markers author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Pesquisa Agropecuária Brasileira

Print version ISSN 0100-204X

Abstract

COSTA, Cynthia Maria Carneiro et al. Fungos micorrízicos arbusculares e adubação fosfatada em mudas de mangabeira. Pesq. agropec. bras. [online]. 2005, vol.40, n.3, pp. 225-232. ISSN 0100-204X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2005000300005.

O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos de fungos micorrízicos arbusculares (FMA) e da adubação fosfatada em mudas de mangabeira (Hancornia speciosa Gomes). O experimento, em casa de vegetação, utilizou delineamento inteiramente casualizado em fatorial com dois tratamentos de solo nativo oriundo de pomar com mangabeiras, desinfestado com brometo de metila e não-desinfestado, seis doses de P (3*, 3, 48, 93, 138 e 183 mg dm-3) e três tratamentos de inoculação, Gigaspora albida Schenck & Smith, Glomus etunicatum Becker & Gerdemann e controle sem inoculação, com quatro repetições. O tratamento 3* não recebeu solução nutritiva e os demais receberam solução nutritiva de Hoagland sem fósforo por ocasião da inoculação. Após 150 dias, observou-se aumento na altura, biomassa e área foliar nos tratamentos com G. albida, em solo desinfestado. Respostas à inoculação ocorreram nas mudas cultivadas com a menor dose de P, nos dois tratamentos de solo. A mangabeira mostrou-se dependente da micorrização apenas na menor dose de P em solo desinfestado. Nos demais níveis de P, a dependência variou em função do FMA e da condição do solo. A associação com G. albida proporcionou melhor desenvolvimento das mudas de mangabeira.

Keywords : Hancornia speciosa; associação micorrízica; dependência micorrízica; fruteira.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese