SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 número4Comportamento vegetativo e produtivo da videira e composição da uva em São Joaquim, Santa CatarinaMarcador microssatélite associado ao alelo Ty-1 de resistência a Begomovirus em tomateiro índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Pesquisa Agropecuária Brasileira

versão impressa ISSN 0100-204X

Resumo

GONZATTO, Mateus Pereira et al. Comportamento da tangerineira 'Oneco' sobre seis porta-enxertos no Sul do Brasil. Pesq. agropec. bras. [online]. 2011, vol.46, n.4, pp.406-411. ISSN 0100-204X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2011000400010.

O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de seis porta-enxertos sobre a produção, a qualidade dos frutos e o crescimento da tangerineira 'Oneco', durante as sete primeiras safras, em Butiá, Rio Grande do Sul. Os porta-enxertos avaliados foram: citrumeleiro 'Swingle' (Citrus paradisi × Poncirus trifoliata), laranjeira 'Caipira' (C. sinensis), citrangeiro 'Troyer' (C. sinensis × P. trifoliata.), limoeiro 'Cravo' (Climonia), limoeiro 'Volkameriano' (C. volkameriana) e trifoliata 'Flying Dragon' (P. trifoliata var. monstrosa). As plantas enxertadas sobre 'Flying Dragon' apresentaram menor desenvolvimento vegetativo, o que indica as características nanizantes deste porta-enxerto, e obtiveram a maior eficiência produtiva média, apesar da baixa produção. As plantas enxertadas sobre os limoeiros 'Volkameriano' e 'Cravo' apresentaram as maiores alternâncias de produção. Nas condições experimentais avaliadas, os melhores porta-enxertos para a tangerineira 'Oneco' são o citrumeleiro 'Swingle' e o citrangeiro 'Troyer', no que se refere à produção e à qualidade dos frutos.

Palavras-chave : Citrus reticulata; alternância de produção; qualidade de fruto; produtividade.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons