SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 número11Adaptabilidade e estabilidade de cultivares de trigo em diferentes épocas de semeadura, no ParanáDesempenho agronômico de genótipos de capim-braquiária em sucessão à soja índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Pesquisa Agropecuária Brasileira

versão impressa ISSN 0100-204X

Resumo

KRUGER, Cleusa Adriane Menegassi Bianchi et al. Arranjo de plantas na expressão dos componentes da produtividade de grãos de canola. Pesq. agropec. bras. [online]. 2011, vol.46, n.11, pp. 1448-1453. ISSN 0100-204X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2011001100005.

O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do arranjo de plantas nos componentes diretos da produtividade de grãos e na produção final em canola, com uso de híbridos de diferentes ciclos de desenvolvimento. Foram realizados três experimentos com espaçamento entre linhas de 0,20, 0,40 e 0,60 m, em delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro repetições para cada ano de cultivo (2008 e 2009), genótipo (Hyola 432 e Hyola 61) e densidade de plantas (20, 40, 60 e 80 plantas por metro quadrado). Hyola 432 apresentou maior produção de grãos em comparação a Hyola 61, independentemente do ano e da densidade de cultivo. Os efeitos do ano de cultivo influenciaram mais a produção e os componentes da produtividade de grãos do que o potencial genético da cultivar e a densidade de cultivo. O ajuste da densidade de plantas em canola é alterado pelo genótipo e pelo ano de cultivo.

Palavras-chave : Brassica napus; densidade de plantas; interação genótipo x ambiente.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português