SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.47 número5Matéria orgânica do solo em pastagens afetadas pelo fogo e em mata de Araucária em Neossolos sul-brasileiros"Biochar" e emissões de óxido nitroso pelo solo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Pesquisa Agropecuária Brasileira

versão impressa ISSN 0100-204X

Resumo

PEREIRA, Rogério Gomes et al. Resposta da transpiração de arroz de terras altas ao deficit hídrico modificado por diferentes doses do "biochar" de eucalipto. Pesq. agropec. bras. [online]. 2012, vol.47, n.5, pp. 716-721. ISSN 0100-204X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2012000500012.

O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do "biochar" de eucalipto na resposta da taxa de transpiração do arroz de terras altas 'BRSMG Curinga', como alternativa para minimizar os efeitos da seca no desenvolvimento e crescimento das plantas. Dois experimentos em vasos foram realizados, em delineamento inteiramente casualizado, em parcelas subdivididas, com seis repetições. As parcelas principais foram constituídas pela deficiência hídrica (WS) e a não deficiência hídrica (NWS), e as subparcelas pelas doses de "biochar" a 0, 6, 12 e 24% adicionadas ao substrato (areia). A quantidade de água transpirável no solo (TTSW), o fator de depleção (p) - definido como a fração de TTSW que pode ser retirada da zona radicular, antes de a deficiência hídrica limitar o crescimento -, e a taxa de transpiração normalizada (NTR) foram determinados. A adição do "biochar" aumentou a TTSW e o fator p, e reduziu a NTR. Consequentemente, a adição do "biochar" foi capaz de modificar o limiar de umidade (fator p) do substrato, até 12% de concentração máxima, e retardar o ponto em que a transpiração declina e afeta a produtividade.

Palavras-chave : Eucalyptus; Oryza sativa; estresse abiótico; deficiência hídrica.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês