SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 número3Qualidade pós-colheita de melão 'Orange Flesh' minimamente processado armazenado sob refrigeração e atmosfera modificadaUso de cera e 1-metilciclopropeno na conservação refrigerada de graviola (Annona muricata L.) índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Fruticultura

versão impressa ISSN 0100-2945versão On-line ISSN 1806-9967

Resumo

PRADO, Mônica Elisabeth Torres; CHITARRA, Adimilson Bosco; BONNAS, Deborah Santesso  e  PINHEIRO, Ana Carla Marques. Transformações bioquímicas de abacaxi minimamente processado armazenado sob atmosfera modificada. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2004, vol.26, n.3, pp.428-432. ISSN 0100-2945.  https://doi.org/10.1590/S0100-29452004000300014.

Realizou-se estudo sobre a influência da atmosfera modificada com diferentes concentrações de gases durante o armazenamento de abacaxi cv. Smooth cayennne minimamente processado, por oito dias, à temperatura de 5ºC e 85% de UR. Foram realizadas análises de açúcares neutros, celulose, hemicelulose e poliuronídeos totais na parede celular. O abacaxi minimamente processado foi acondicionado sob duas Atmosferas Modificadas Ativas, uma com 5% de O2 e 5% de CO2 (AM1),outra com 2% de O2 e 10% de CO2 (AM2),e uma Atmosfera Modificada Passiva (Controle) durante 8 dias de armazenamento. O uso de atmosferas modificadas ativas permitiu que o abacaxi minimamente processado sofresse menor degradação da parede celular com menor solubilização das hemiceluloses. Abacaxis minimamente processados e armazenados sob atmosfera modificada obtiveram uma vida de prateleira média de 6 dias, a 5º C.

Palavras-chave : Processamento mínimo; cromatografia gasosa; cromatografia gélica; açúcares neutros; Ananas comosus L. Merr..

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons