SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número1Fenology and bud production in peach tree cultivars and selections in the region of Jaboticabal, state of São Paulo, BrazilThe pectinmethylesterase activity and its relation with the loss of firmness of the pulp in papaya fruits cv. Sunrise Solo and Tainung índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista Brasileira de Fruticultura

versión impresa ISSN 0100-2945

Resumen

ROLIM, Glauco de Souza et al. Previsão do número de frutos a partir da quantidade de estruturas reprodutivas em laranjeiras. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2008, vol.30, n.1, pp. 48-53. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-29452008000100011.

O trabalho buscou testar a hipótese de que o número final de frutos (nº/m3) depende da quantidade de botões florais, flores e/ou chumbinhos que ocorreram previamente. Esta hipótese baseia-se na premissa de que a planta integraliza as condições edafoclimáticas disponíveis para seu crescimento e desenvolvimento. A hipótese foi testada em laranjeira "Valência" (Citrus sinensis (L.) Osbeck.) enxertada em: tangerineira "Cleópatra" (VCL) (Citrus reshni Hort. ex Tan.) e limoeiro "Cravo" (VCR) (Citrus limonia Osbeck). Foram avaliadas as seguintes relações entre as estruturas reprodutivas: Frutos= f(Chumbinhos); Frutos= f(Flores); Frutos= f(Botões); como também Flores= f(Botões), e Chumbinhos= f(Flores); além de Frutos= f(flores do lado noroeste) para a VCL, e Frutos= f(botões do lado noroeste) para VCR sugeridos por análise de cluster. As avaliações do número de estruturas reprodutivas foram realizadas nos quatro pontos cardeais da copa (1m3/setor). Devido aos elevados valores de R2, índice de concordância (d) e relativos baixos erros absolutos percentuais médios (EAPM), resultantes de regressão exponencial, em relação a: Flores = f(botões) (R2=0,85 e R2=0,82; d= 0,95 e d= 0,95; EAPM= 15,2% e EAPM= 19,1%, para VCL e VCR, respectivamente) e principalmente ao número de frutos (por exemplo: Frutos = f(botões); (R2=0,62 e R2=0,71; d= 0,89 e d= 0,88; EAPM= 5,0% e EAPM= 2,1%, para VCL e VCR, respectivamente), verificou-se que a hipótese proposta é verdadeira, ou seja, é possível a estimativa do número futuro de frutos, a partir do número atual de estruturas reprodutivas (botões florais e flores).

Palabras llave : Citrus sinensis; modelo não-linear; Cleópatra; Cravo; flor; chumbinho; fruto.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués