SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue2Diagramatic scale to evaluate the severity of bacteriose in peach treesInfluence of systems of production on the occurrence of natural enemies of aphids on orchards of peach trees in Araucaria-PR author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Fruticultura

Print version ISSN 0100-2945

Abstract

ARAUJO, João Paulo Campos de; RODRIGUES, Alessandro; SCARPARE FILHO, João Alexio  and  PIO, Rafael. Influência da poda de renovação e controle da ferrugem nas reservas de carboidratos e produção de pessegueiro precoce. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2008, vol.30, n.2, pp. 331-335. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-29452008000200011.

Este trabalho objetivou verificar a influência da poda de renovação e controle da ferrugem nas reservas de carboidratos não-estruturados em ramos e raízes do pessegueiro cultivar Flordaprince, bem como o possível efeito na produção e qualidade dos frutos. O trabalho foi conduzido no Departamento de Produção Vegetal da ESALQ-USP, em Piracicaba. O delineamento experimental utilizado foi em sete blocos ao acaso, constando de três tratamentos, sendo cada parcela constituída de quatro plantas. O tratamento 1 consistiu na realização da poda de renovação que foi executada 45 dias após a colheita, no mês de outubro de 2003. No tratamento 2, não se realizou a poda de renovação, e foi feito o controle da ferrugem. No tratamento 3, não foi realizada a poda de renovação, tampouco o controle da ferrugem, ocasionando desfolha antecipada. Os dados foram submetidos às análises de variância e à comparação das médias, pelo teste de Tukey. O espaçamento utilizado foi de 3,0 por 1,2 m, correspondendo a 2.777 plantas ha-1. As plantas foram conduzidas em sistema de líder central e receberam as práticas culturais normalmente utilizadas. Foram coletadas amostras de raízes e ramos que foram secos, moídos e submetidos à análise de laboratório para verificação dos teores de carboidratos não-estruturados. Ocorre flutuação na concentração de carboidratos solúveis nas raízes e nos ramos de acordo com a época da coleta, sendo que os teores de carboidratos solúveis nas raízes são sempre superiores àqueles encontrados nos ramos. O tratamento 2 apresentou maior produção de frutos e maior número de frutos por planta. Não houve efeito dos tratamentos nos aspectos qualitativos dos frutos, como diâmetro, comprimento, coloração e teor de sólidos solúveis.

Keywords : Prunus persica (L.) Batsch; controle fitossanitário; qualidade de frutos.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese