SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue4POSTHARVEST QUALITY OF FEIJOA FLOWERS TREATED WITH DIFFERENT PRESERVATIVE SOLUTIONS AND 1-METHYLCYCLOPROPENEPRUNING TIME IN TWO PRODUCTION SYSTEMS IN THE GUAVA TREE BACTERIAL BLIGHT CONTROL author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Fruticultura

Print version ISSN 0100-2945On-line version ISSN 1806-9967

Abstract

MALDONADO JR, WALTER et al. DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL E AMOSTRAGEM SEQUENCIAL DE Brevipalpus phoenicis EM CITRUS. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2016, vol.38, n.4, e-085.  Epub Dec 01, 2016. ISSN 1806-9967.  https://doi.org/10.1590/0100-29452016085.

Dentre as pragas dos citros, uma das mais importantes é o ácaro da leprose Brevipalpus phoenicis (Geijskes), que transmite o vírus da leprose dos citros (CiLV-C). Quando um plano racional de controle de pragas é adotado, é importante se determinar o tempo correto para se dar início ao plano de controle. Para tanto, é necessário acompanhamento constante da cultura através de amostragens periódicas, onde o conhecimento do comportamento espacial da praga é fundamental. O objetivo deste trabalho foi estudar o padrão de distribuição espacial e desenvolver um plano de amostragem sequencial para a praga. Os dados utilizados foram coletados em dois talhões de laranja Valência em uma fazenda no estado de São Paulo, Brasil, por 40 inspetores treinados para a atividade. Foram calculados os seguintes índices de agregação: variância/média, índice de Morisita, coeficiente de Green e parâmetro k da distribuição binomial negativa. Foi testado o ajuste dos dados às distribuições de Poisson e binomial negativa utilizando o teste de quiquadrado de aderência. O plano de amostragem foi desenvolvido utilizando o Teste Sequencial da Razão de Verossimilhança de Wald e validado através de simulações. Foi concluído que a distribuição espacial de B. phoenicis é agregada, seu comportamento espacial pode ser explicado e previsto através da distribuição binomial negativa e foi construído e validado um plano de amostragem sequencial para a tomada de decisão sobre seu controle.

Keywords : ácaro da leprose; binomial negativa; distribuição de Poisson; decisão de controle; manejo integrado de pragas.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )