SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 número1RESPOSTA DA MACIEIRA ‘FUJI’ À ADUBAÇÃO FOSFATADAVIROSES EM VIDEIRAS:IMPACTO ECONÔMICO E RECENTES AVANÇOS NA PROSPECÇÃO DE VÍRUS E MANEJO DAS DOENÇAS DE ORIGEM VIRAL índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Fruticultura

versão impressa ISSN 0100-2945versão On-line ISSN 1806-9967

Resumo

SALDANHA, EDUARDO CÉZAR MEDEIROS et al. DIAGNOSE NUTRICIONAL EM COQUEIRO HÍBRIDO CULTIVADO NA REGIÃO NORTE DO BRASIL DO ESTADO DO PARÁ POR MEIO DO SISTEMA INTEGRADO DE DIAGNOSE E RECOMENDAÇÃO. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2017, vol.39, n.1, e-728.  Epub 20-Abr-2017. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/0100-29452017728.

A avaliação do estado nutricional de plantas por meio da diagnose foliar, como o Sistema Integrado de Diagnose e Recomendação (DRIS), vem destacando-se dos métodos tradicionais de interpretação dos resultados da análise de tecido vegetal. Para o coqueiro, o acompanhamento nutricional por meio de análise foliar é apontado como método eficiente para a recomendação de adubação, e os resultados têm sido tradicionalmente interpretados com a utilização do critério do nível crítico e das faixas de suficiência. Os objetivos deste trabalho foram avaliar o estado nutricional e estabelecer padrões nutricionais para a cultura do coqueiro híbrido, utilizando o método DRIS. O trabalho foi realizado em área comercial de coqueiros no município de Moju-PA. Utilizou-se, para formar o banco de dados, de resultados de análise foliar e de produtividade de 134 observações referentes ao período de 2001 a 2011. Verificou-se deficiências mais frequentes para o elemento K, e possivelmente excessos para elemento Mg. A ordem de limitação nutricional foi K > P > Ca > Fe > N > S > B > Zn > Cu > Mn > Mg. Os nutrientes Ca, K e Fe apresentaram maior probabilidade de resposta positiva a adubação, já os nutrientes Mg, Cu e Mn foram diagnosticados como os de maior probabilidade de resposta negativa à adubação. Verificou-se, também, que os nutrientes N e P apresentaram a melhor condição de equilíbrio nutricional. Foram ajustadas equações de regressão para a relação entre os teores de nutrientes em folhas de coqueiro híbrido e os respectivos índices DRIS, o que possibilitou estabelecer valores de referências nutricionais, com base no método DRIS.

Palavras-chave : diagnose foliar; padrões de referência; índices DRIS.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )