SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 número2BIOLOGIA DA POLINIZAÇÃO DE Citrus sinensis VARIEDADE ‘PERA RIO’ índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Fruticultura

versão impressa ISSN 0100-2945versão On-line ISSN 1806-9967

Resumo

MELO, YURI LIMA et al. ALTERAÇÕES DE INDICADORES OSMÓTICOS E IÔNICOS EM Ananas comosus (L.) cv.‘MD GOLD’ PRÉ-TRATADOS COM FITOHORMÔNIOS E SUBMETIDOS AO MEIO SALINO. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2017, vol.39, n.2, e-155.  Epub 22-Maio-2017. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/0100-29452017155.

O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do NaCl durante o cultivo hidropônico de abacaxizeiro ‘MD Gold’ pré-tratado com os fitohormônios ácido naftalenoacético (ANA) e 6-benzilaminopurina (BAP) utilizando indicadores de estresse hídrico e de ajustamento osmótico. Plântulas de abacaxizeiro, provenientes de tratamentos salinos na ausência (-AB) e presença (+AB) dos fitohormônios, durante o cultivo in vitro, foram cultivadas em solução nutritiva na ausência e em presença de diferentes concentrações de NaCl (50; 100 e 150 mM), durante 10 dias em casa de vegetação. Plantas provenientes do cultivo in vitro pré-tratadas com os fitohormônios (+AB), apresentaram respostas fisiológicas distintas daquelas não tratadas com os mesmos (-AB), com relação à massa seca (MS) em raízes, vazamento de eletrólitos (VE) e concentrações de Na+ e K+ em folhas e raízes e, também, com relação às concentrações de açúcares solúveis (AST), aminoácidos livres (AALT) e prolina (PRO) em folhas. Adicionalmente, o tratamento salino induziu respostas similares entre as plantas -AB e +AB, mas diferentes em relação a intensidade e aos órgãos estudados. A presença de NaCl na solução reduziu a MS de folhas no tratamento -AB, conteúdo relativo de água de folhas em -AB e +AB e em raízes apenas no tratamento -AB. Altos níveis de NaCl aumentaram o VE em folhas no tratamento +AB. Os níveis de K+ diminuíram com o aumento da concentração de NaCl na solução nutritiva em folhas e raízes do tratamento -AB e em raízes no tratamento +AB e aumentaram, independente do tratamento salino, em folhas do tratamento +AB. Não foi possível identificar o efeito tóxico dos íons, com exceção das raízes submetidas a 150 mM de NaCl em +AB e -AB. As concentrações de AST diminuíram com o aumento da concentração de NaCl em folhas, nas plantas -AB e +AB. Já os AALT e PRO tiveram seus níveis aumentados em folhas submetidas ao estresse salino, sendo mais expressivo no tratamento -AB. Concluímos que o pré-tratamento com os fitohormônios em plantas de abacaxizeiro minimizaram os efeitos do NaCl , apesar de altas concentrações deste sal afetarem a maioria dos caracteres avaliados. Adicionalmente, conclui-se que o efeito osmótico do estresse salino foi determinante para as alterações fisiológicas observadas e que folhas e raízes apresentam respostas diferentes com relação ao incremento de fitohormônios e também às concentrações de NaCl.

Palavras-chave : Ananas comosus (L.); auxina; citocinina; estresse salino; osmorreguladores.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )