SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 número especialAVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE LICHIA VISANDO FONTES DE RESISTÊNCIA AO ÁCARO Aceria litchiiCARACTERÍSTICAS DE QUALIDADE DE FRUTOS E ÓLEOS DE PALMEIRAS NATIVAS DA AMAZÔNIA BRASILEIRA índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Fruticultura

versão impressa ISSN 0100-2945versão On-line ISSN 1806-9967

Resumo

FAORO, IVAN DAGOBERTO. ‘SCS421 CAROLINA’, PRIMEIRA CULTIVAR DE PEREIRA-JAPONESA DESENVOLVIDA NO BRASIL. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2017, vol.39, n.spe, e-840.  Epub 02-Mar-2017. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/0100-29452017840.

A nova cv. SCS421 Carolina, pertencente à espécie Pyrus pyrifolia var. culta, é classificada como pereira do tipo asiática ou, mais especificamente, japonesa. Foi obtida do cruzamento entre Kousui x Osanijisseiki, realizado na Epagri/Estação Experimental de Caçador. Sua floração ocorre desde a segunda quinzena de setembro até meados de outubro, similar à cv. Housui. Conforme resultados preliminares, ‘Yali’ e ‘Housui’ podem ser utilizadas como seus polinizadores. A colheita ocorre na primeira quinzena de fevereiro, e a produção situa-se acima de 20 t/ha. Suas plantas produzem frutos arredondados e mais simétricos que os da cv. Housui. A epiderme da fruta é dourada, sendo a polpa crocante, doce, muito suculenta e levemente aromática. Os frutos podem ser conservados até quatro meses em câmara fria convencional. Não tem sido registrada a incidência de sarna e seca dos ramos nas plantas, a campo. É indicada para o cultivo nas regiões mais frias do Sul do Brasil.

Palavras-chave : Pyrus pyrifolia var. culta; pera; qualidade do fruto.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )