SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 número1EFEITO DE PRODUTOS CONVENCIONAIS E ALTERNATIVOS NO CONTROLE DE DOENÇAS PÓS-COLHEITA DO ABACATEANÁLISE HISTOLÓGICA E DESEMPENHO DE POPULAÇÕES DE MARACUJAZEIRO-AZEDO SOB DIFERENTES PORTA-ENXERTOS RESISTENTES AO Fusarium spp índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Fruticultura

versão impressa ISSN 0100-2945versão On-line ISSN 1806-9967

Resumo

RIBEIRO, Lindinéia Rios et al. FONTES DE RESISTÊNCIA A Fusarium oxysporum f. sp.IN BANANA GERMOSPLASMA. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2018, vol.40, n.1, e-202.  Epub 08-Fev-2018. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/0100-29452018202.

O murcha de Fusarium, causado por Fusarium oxysporum f. sp. cubense (FOC), é uma das principais doenças da cultura da bananeira. A principal estratégia de controle da doença faz-se com o uso de variedades resistentes, sendo que, para a sua obtenção, faz-se necessário identificar genótipos para utilização nos programas de melhoramento genético da cultura. O objetivo do presente estudo foi identificar fontes de resistência em acessos do Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de Bananeira da Embrapa Mandioca e Fruticultura. Foram avaliados 41 acessos do BAG, sendo 17 diploides, 21 triploides e dois tetraploides. Também foram avaliados a área abaixo da curva do progresso da doença, o índice interno da doença e o período de incubação. Há variabilidade genética disponível entre os acessos do Banco de Germoplasma de Bananeira para resistência ao FOC, com destaque à imunidade expressada pelo genótipo M53. Os acessos Birmanie, PA Songkla, Pirua, Imperial, Poyo, Ambei, Walebo e Kongo FRF 1286 expressaram resistência.

Palavras-chave : Musa spp.; mal do Panamá; variedades; resistência genética.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )