SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 número2APROVEITAMENTO DA POLPA DE UMBU (Spondias tuberosa ARR. CAM.)NA PRODUÇÃO DE BARRAS DE CEREAIS SEM ADIÇÃO DE AÇÚCARCaracterísticas dos frutos de duas populações de uvaias cultivadas no município de Salesópolis-SP índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Fruticultura

versão impressa ISSN 0100-2945versão On-line ISSN 1806-9967

Resumo

JUSTI, Priscilla Narciso; SANJINEZ-ARGANDONA, Eliana Janet  e  MACEDO, Maria Lígia Rodrigues. Microencapsulação de óleo da polpa de pequi por coacervação complexa. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2018, vol.40, n.2, e-874.  Epub 26-Abr-2018. ISSN 0100-2945.  http://dx.doi.org/10.1590/0100-29452018874.

O óleo da polpa de pequi, Caryocar brasiliense, é rico em carotenoides, composto antioxidante facilmente oxidado pela presença de calor, luz e oxigênio. Com o objetivo de melhorar sua estabilidade, o óleo de pequi foi microencapsulado por coacervação complexa utilizando gelatina e goma arábica como agentes encapsulantes. Vinte formulações foram preparadas a partir do delineamento composto central rotacional 23. Neste estudo, foram avaliados a influência da temperatura, a velocidade de agitação e o material de núcleo na coacervação, a fim de preservar os carotenoides presentes no óleo. Os melhores valores de rendimento e carotenoides foram obtidos no ponto central do delineamento (7,5 g de recheio, 15.000 rpm e 50ºC). As partículas apresentaram distribuição assimétrica com diâmetro de 15 a 145 µm, e a eficiência, obtida em função do óleo retido na microcápsula, variou entre 66,58 e 96,50%, comprovando a eficácia deste método de encapsulação.

Palavras-chave : Caryocar brasiliense; carotenoides; retenção.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )