SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 issue5First record of Isia alcumena, Spodoptera cosmioides and S. eridania (LEPIDOPTERA: NOCTUOIDEA) attacking Passion Fruit (Passiflora edulis Sims) in BrazilAmmonia thiosulfate in Japanese plum tree thinning author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Fruticultura

Print version ISSN 0100-2945On-line version ISSN 1806-9967

Abstract

MARCON FILHO, José Luiz et al. Desempenho vitícola de clones de Cabernet Sauvignon em região de altitude do sul do Brasil. Rev. Bras. Frutic. [online]. 2019, vol.41, n.5, e-483.  Epub Oct 10, 2019. ISSN 0100-2945.  https://doi.org/10.1590/0100-29452019483.

A cultivar Cabernet Sauvignon é uma das videiras para vinho mais amplamente cultivada comercialmente no Brasil. Seu desempenho em relação à qualidade final da uva depende do clone, do porta-enxerto e do “terroir” onde os vinhedos estão localizados. Este estudo teve como objetivo avaliar e caracterizar os efeitos de sete combinações de clones de videira Cabernet Sauvignon enxertados em dois porta-enxertos sobre a produtividade e os parâmetros físico-químicos das uvas em região de altitude do Sul do Brasil, durante as safras de 2012-2013, 2013-2014, 2014 -2015 e 2015-2016. Os experimentos foram conduzidos em um vinhedo comercial com 14 anos de idade, localizado no município de São Joaquim, Santa Catarina, conduzido em sistema de espaldeira, em duplo cordão esporonado. Os tratamentos consistiram na combinação (clone/porta-enxerto) dos clones de Cabernet Sauvignon 169; 337; 341 e R5 sobre o porta-enxerto Paulsen 1103 (P1103), e dos clones 169; 170 e 339 sobre o porta-enxerto Courdec 3309 (C3309). Houve diferenças significativas entre as combinações dos clones de videira Cabernet Sauvignon com os porta-enxertos, afetando os parâmetros produtivos, físicos, químicos e o período de maturação da uva. As combinações 339 / C3309 e 337 / P1103 apresentaram maiores produtividades, enquanto as combinações R5 / P1103, 170 / C3309 e 169 / C3309 apresentaram maior potencial para produção de vinho, quando os parâmetros físicos, químicos e de produtividade foram considerados nas condições edafoclimáticas de região de altitude do Sul do Brasil, em todas as safras avaliadas.

Keywords : Vitis vinifera; seleção clonal; porta-enxertos; composição da uva; componentes de produção.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )