SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número1Avaliação de genótipos de sorgo sacarino quanto à capacidade de inibir a esporulação secundária e avaliação da concentração de oligossacarídeos na secreção açucarada de Claviceps africanaEficiência de desinfestantes na erradicação de conídios de Mycosphaerella fijiensis aderidos à superfície de bananas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Fitopatologia Brasileira

versão impressa ISSN 0100-4158versão On-line ISSN 1678-4677

Resumo

NAGATA, Tatsuya; INOUE-NAGATA, Alice K; AVILA, Antonio C. de  e  GIORDANO, Leonardo de B. Detecção de begomovírus de tomateiro em plantas e moscas-brancas por "print-capture" PCR. Fitopatol. bras. [online]. 2004, vol.29, n.1, pp.91-93. ISSN 0100-4158.  http://dx.doi.org/10.1590/S0100-41582004000100014.

O "print-capture (PC) Polymerase chain reaction (PCR) " foi avaliado como um método inovativo de detecção de vírus de plantas. Plantas de tomate (Lycopersicon esculentum) infetadas com begomovírus e moscas-brancas virulíferas foram usadas para estudar a eficiência do método. Os passos de captura do DNA foram realizados usando filtros de náilon não carregados ou papel-filtro como suporte sólido. Fragmentos de DNA amplificados de tamanho esperado foram consistentemente obtidos por PCR de plantas infetadas cultivadas em casa de vegetação, após aplicação direta dos materiais fixados na mistura para PCR. Entretanto, para a detecção de vírus feita de uma mosca-branca e de amostras de tomateiros cultivados no campo foi necessário um tratamento a alta temperatura do material fixado antes da amplificação por PCR. Na comparação entre o filtro de náilon e papel-filtro como suporte sólido, o filtro de náilon apresentou maior eficiência de detecção. A aplicação do PC PCR reduz as chances de ocorrência de resultados falsos-positivos pela diminuição de passos de manipulação durante a preparação do DNA-alvo. Este método mantém todas as vantagens da diagnose por PCR, como a alta sensibilidade sem a necessidade de uso de reagentes radioativos.

Palavras-chave : Geminivírus; Bemisia tabaci; Bemisia argentifoli.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons